HMNEWS EDITORA E EVENTOS. ÚNICA COM CREDIBILIDADE E INOVAÇÃO EM PAPEL, INTERNET E EVENTOS.

GÁS | HIDROSSANITÁRIA | ELÉTRICA | ELETROMECÂNICA |HVAC | FOTOVOLTAICA | INCÊNDIO | DADOS | MANUTENÇÕES

 

 

+ de 37 mil

 

LEITORES, INTERNAUTAS, PROFISSIONAIS E FÃS DA REVISTA DA INSTALAÇÃO :)

  CONHEÇA OUTRA PUBLICAÇÃO DA HMNEWS EDITORARevista Potência
ANUNCIE
  

Dicas da Cobrecom Fios e Cabos Elétricos para evitar acidentes domésticos com a energia elétrica

Levantamento da Abracopel (Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade) aponta que o número de choques elétricos aumentou no país em 2016. O estudo da entidade revela que no ano passado 653 pessoas morreram em acidentes de origem elétrica, sendo que destas mortes, 599 foram por choque elétrico (173 delas ocorreram dentro da residência), 33 em incêndios gerados por curtos-circuitos e 24 mortes por raios.

De acordo com os números da Abracopel, destas mortes, 107 tiveram origem em fios partidos ou descascados em ambientes internos, em extensões, ou em eletrodomésticos e eletroeletrônicos, chapinhas, entre outros. 

E no primeiro trimestre de 2017, ainda segundo dados da Abracopel, do total de 190 mortes por choque elétrico, 56 aconteceram em residências, e destas, 35 mortes tiveram origem nas situações citadas acima.

Por isso, a prevenção é sempre o melhor remédio quando se trata da energia elétrica.

Por mais que o imóvel tenha um projeto elétrico dimensionado corretamente, os melhores materiais elétricos e manutenções e/ou revisões constantes, muitos acidentes envolvendo eletricidade podem ocorrer por falta de atenção ou desconhecimento das pessoas.

E a Cobrecom Fios e Cabos Elétricos, reconhecida como uma das mais importantes empresas fabricantes de condutores elétricos, fornece dicas importantes para evitar acidentes com a energia elétrica em residências.

 

Dica 01: Desligue a chave geral no quadro de luz (quadro de distribuição) sempre que for realizar qualquer intervenção em sua instalação elétrica como trocar as lâmpadas ou substituir o chuveiro elétrico.

Dica 02: Engana-se quem diz que os choques elétricos de aparelhos em 127 V não apresentam perigo para as pessoas. O choque elétrico pode ser fatal tanto em 127 V, como também em 220 V.

Dica 03: Nunca mude a temperatura da água do chuveiro elétrico enquanto ele estiver funcionando. Apesar de alguns chuveiros elétricos modernos terem sistemas de isolação que evitam o choque, o risco de acidentes ocorrerem é muito grande. Além disso, durante o banho a pessoa está molhada e com os pés descalços, o potencializa o efeito do choque. 

Dica 04: A utilização de benjamins, extensões e réguas “T” deve ser evitada. Esse fator é muito perigoso porque pode causar sobrecargas e consequentes curtos-circuitos e incêndios. O indicado é utilizar um eletrodoméstico por tomada. Caso não seja possível, deve ser respeitada a carga máxima possível de ser ligada na tomada.

Dica 05: A água é um excelente condutor de corrente elétrica. Por isso, evite utilizar secadores de cabelos, chapinhas, barbeadores elétricos ou qualquer outro aparelho elétrico nas proximidades de pias, boxes e banheiras.

Dica 06: Os fios e cabos elétricos soltos e/ou desencapados também representam perigo para todos os moradores da residência. Eles devem ser substituídos e vale lembrar que é fundamental que todos os condutores elétricos do imóvel estejam dentro de condutos como eletrodutos e canaletas. E é recomendado que seja realizada uma revisão da instalação elétrica a cada cinco anos para checar o atual estado de todos os componentes como fios, cabos, disjuntores, entre outros.

Dica 07: As tomadas são perigosas quando existem crianças pela casa. Como elas sempre são curiosas, vale a pena investir na compra de tampas plásticas específicas para tomadas. Elas impedem que as crianças coloquem os próprios dedos ou objetos metálicos que conduzem energia elétrica.

Dica 08: NUNCA tente apagar o fogo na instalação elétrica ou em eletrodomésticos com água, pois ela é condutora de eletricidade. O correto nestes casos é utilizar o extintor de incêndio de classe C e, não havendo um por perto, tente abafar o fogo, sem correr o risco de queimar a si próprio.

Dica 09: Em dias com chuvas fortes e com queda de raios devem ser evitados: tomar banho em chuveiro elétrico durante o período; utilizar aparelhos eletrônicos; ficar perto de materiais metálicos como esquadrias de alumínio das janelas, entre outros.

Dica 10: Cuidado ao manusear a haste da antena de TV. Nunca se aproxime ou toque no poste de entrada de energia da residência (onde fica o padrão elétrico/medidor) nem no poste da rede elétrica da concessionária local, pois os riscos de acidentes e choques fatais são muito grandes.

Dica 11: Se for realizar qualquer manutenção na instalação elétrica de sua residência contrate somente profissionais qualificados e habilitados.

Dica 12: Se for reformar o imóvel lembre-se que as escadas e os andaimes devem ser montados segundo normas de segurança e de forma que não tenham qualquer contato com qualquer fiação elétrica do imóvel, muito menos estejam próximos da rede elétrica aérea pública.